Exército americano testa exoesqueleto robótico

ExoesqueletoO exército americano está testando um exoesqueleto robótico desenvolvido pela Raytheon e Sarcos, que poderá criar "supersoldados".

A armadura de alumínio repleta de componentes eletrônicos, que pesa 68 kg, é capaz de multiplicar a resistência e a força de um homem em até 20 vezes, sem diminuir muito sua agilidade. O equipamento tem sensores que percebem os movimentos do usuário e permitem amplificá-los.

Atualmente, a idéia do exército é usar o exoesqueleto para trabalhos pesados como carga e descarga e reparos de equipamentos pesados. Testes em situações mais realistas serão iniciados em 2009.

Um dos problemas iniciais a serem superados é a bateria, cuja duração atual é de apenas 30 minutos. Outro problema é o custo do equipamento. A expectativa é que uma vez que este tipo de equipamento seja produzido em massa para fins comerciais e militares, o custa caia para o mesmo patamar de um automóvel pequeno.

ExoesqueletoPara quem ainda não está visualizando a idéia, basta lembrar da "empilhadeira" usada por Sigourney Weaver, no papel de Ellen Ripley, em Aliens, que nada mais era do que um exoesqueleto militar.

Nos quadrinhos, o conceito de "supersoldados" já é uma coisa antiga, e começou a ser usado na década de 1940, com o surgimento do Capitão América. A idéia do exoesqueleto, também não é nova e o Homem de Ferro, personagem da década de 1960, é um dos exemplos mais conhecidos.

Os exoesqueletos também são muito comuns e populares nos mangás e animês, em séries como Macross, Appleseed e Ghost in the Sell, por exemplo.

Comentários

  1. o q eu vi no jogo de videogames crysis q tem como protagonista um homem dentro de um exoesqueleto tipo uma armadura q por acaso tambem e um soldado nao esta muito longe de acontecer com a tecnologia q hoje prensiamos e q nos surpreende cada dia mais daqui uns dias eles inventam uma q voa igual ao homem de ferro.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas