The Iron Mask - 1929 (Filme Completo)


Esse é um post muito especial para mim. Sentimental até.
O motivo? Minha avó.
Minha avó faleceu há quase dez anos. Contava com 83 anos, então.
Era uma graça de pessoa. Muito alegre, sempre disposta, elegante, um tanto narcisista. Do tipo que 'paparica' os netos até demais. Como era gostoso dormir na casa dela! Eu adorava. Era o tipo de avó que todo mundo gostaria de ter. Teve uma boa vida e felizmente uma boa morte. Morreu subitamente de ataque cardíaco, dormindo, em sua caminha quentinha. Absolutamente lúcida, saudável e dona de si. Minha vó viu muitas coisas nessa vida, é claro. E eu gostava de ouvir suas histórias. Por exemplo, ela não acreditava que o homem tinha ido na lua. Mas contava o que viu na tv e uma vez perguntou prá mim se eles realmente tinham ido na lua. rs

Alias, ela adorava tv. Sempre ria quando ela insistia em retribuir o "boa noite" para o Cid Moreira ao término do Jornal Nacional.
Minha avó era do tipo aventureira. Adorava sair da rotina. Quando jovem ela e o meu avô viajaram muito de moto por esse mundão.

Então, não era de admirar que seus ídolos também fossem aventureiros. Ela foi muito ao cinema. Falava da "era do cinema mudo". A trilha sonora era executada por um pianista tocando ao vivo dentro do próprio teatro. Eu achava tudo muito estranho.

Ela adorava O Gordo e o Magro e os ídolos da época. Mas seu herói era um "tal" Douglas Fairbanks que eu nunca tinha ouvido falar.
Ela dizia que ele era lindo, maravilhoso, enfim, "O" cara.
O tempo passou. Esqueci o "tal" Fairbanks. Já sabia que ele tinha interpretado Robin Hood. Mas e daí? Ninguém jamais seria melhor que "Errol Flynn".

Um dia, assistindo ao filme "Chaplin" dei de cara com o "tal" Douglas Fairbanks na pele de Kevin Kline! Ele era amigo do Chaplin...
Hmmm...a coisa começava a ficar interessante.
O cara era muito parecido com o Errol Flynn, mas mais maluco ainda!

A curiosidade durou quase 10 anos porque infelizmente a tv atual não ajuda. Nem Robin Hood do Errol Flynn passa mais na Sessão da Tarde! Que dirá filmes mudos da década de 20. Porém, a busca chegou ao fim graças a internet.

Ah, internet o que eu faria sem você? Minha amiga, minha professora, minha mestra que tem me brindado com tanto conhecimento? É bem verdade que 99% (ou mais) do que encontramos na net é bobagem e a estupez impera quase absoluta. Mas sabendo onde procurar, e principalmente, o que procurar você encontra verdadeiras maravilhas. Deus abençõe o P2P!
A tecnologia do presente saudando a glória do passado.

Foi assim que finalmente conheci o ídolo de minha avó.

Gostaria de compartilhar essa verdadeira relíquia com vocês. The Iron Mask foi filmado em 1929. É o último grande filme de Fairbanks e o último mudo dele também.

Essa versão é de 1952 quando o filme foi editado. As legendas foram retiradas e uma narração adicionada.
O narrador é ninguém menos que Douglas Fairbanks Jr!
Sim! Seu próprio filho. Também ator. E ficou muito bom! Inclusive ele dubla o próprio pai na abertura. Originalmente o filme possuia algum aúdio. A narração de Fairbanks (pai), a trilha sonora e certos efeitos sonoros. Infelizmente, essa narração se perdeu e foi redublado por Douglas Fairbanks Jr.

Em 1999 outra edição foi feita para o mercado de DVDs.
Essa edição foi restaurada. Uma nova trilha sonora foi composta. Dessa vez pelo John Williams dos filmes mudos: Carl Davis. Essa edição nova não tem narração. Porém, tem algo muito especial. O Footage original da apresentação inicial de Fairbanks se perdeu. Mas uma gravação em áudio foi encontrada e a cena redublada. Portanto, é o próprio Douglas Fairbanks apresentando o filme! :)
O DVD vem recheado de extras. Inclusive material dessa versão de 1952.
Ainda não a assisti. Mas todos os comentários que li até agora foram positivos.

O filme é muito bom. Tem de tudo: aventura, comédia, drama e muitas cenas de ação.
Fiquei encantada. Show! Como o cinema era bom e criativo naquela época! Os duelos são magistrais. Os caras tiravam água de pedra, literalmente falando.

Fairbanks deu tudo de si nesse filme. Já contava com 46 anos, ao que parece. Seu incrível físico atlético começava a declinar. Muito devido ao seu péssimo hábito de fumar. Mesmo assim, ele está magnífico.

Algumas curiosidades muito interessantes sobre o "desconhecido" Douglas Fairbanks.

- Começou tarde a carreira em Hollywood. Aos 31 anos.
- Douglas dispensava dublês em seus filmes sendo responsável por todas as cenas perigosas.
- Fundou a United Artists com Chaplin, Griffith, Pickford (com quem casou. É do casal a primeira mansão construída em Beverly Hills) .
-
Fundou e presidiu a Academy of Motion Picture Arts and Sciences (sim, o Oscar!)
- Fairbanks demorou incríveis cinco minutos para entregar todos os prêmios da academia na primeira edição do Oscar. Na época eram 5 ou 6 categorias (agora não lembro). É mole?
- Faleceu aos 56 anos de idade, de ataque cardíaco, enquanto dormia em sua mansão em Santa Monica.
- No filme Passagem para a Índia um dos personagens realiza acrobacias encima de um trem gritando "I am Douglas Fairbanks!"...rs

Uma das coisas que acho divertida nas adaptações para o cinema de "O Homem da Máscara de Ferro" de Alexandre Dumas é que todas elas diferem notavelmente entre si e o livro. Todas são diferentes e nenhuma é fiel a obra de Dumas.
O motivo é que Dumas fez um livro absolutamente "infilmável". Só para vocês terem uma idéia o prisioneiro da máscara de ferro é um mero coadjuvante. Felipe (o tal prisioneiro) desaparece no meio da história e não volta mais . Ele não é o centro das atenções. O Máscara é o último livro de Dumas sobre os três mosqueteiros. Narra o ocaso de suas vidas. O livro é lindo, mas para entendê-lo é necessário acompanhar a vida dos quatro companheiros desde o começo e como seus destinos se separaram.

Essa versão, não fugindo a "tradição", difere drasticamente dos outros filmes e do livro de Dumas.
Mas a história é muito bem bolada. Bastante lógica. Não vou contar senão vai perder a graça. ;p
Filme completo para vocês!
Espero que gostem tanto quando eu. ;)

E vó... Este humilde post é seu! :)
Esteja onde estiver você estará sempre comigo.
Obrigado por ter existido e ter sido minha avó!
E se ai do outro lado você topar com seu herói diz que sua neta achou ele um gato. :P

0 komentar: