Músicos ouvem melhor, conclui pesquisa americana

Músicos ouvem melhor

Muito já se disse sobre o chamado "ouvido absoluto", sobre a capacidade de músicos e de pessoas que trabalham com música de ouvir mais e melhor e tantas outras coisas. Porém, nenhuma pesquisa havia confirmado que essa galera escuta melhor do que as pessoas que não trabalham diretamente com música, certo?

Pois é, isso é passado. Os pesquisadores Jacob Oppenheim e Marcelo Magnasco, da Universidade Rockefeller de New York, publicaram um estudo que comprova que músicos conseguem identificar nuances que não são percebidas pelo ouvido de uma "pessoa comum". Eles perceberam isso analisando a última teoria a respeito do tema, que dizia que o cérebro processa o som de forma análoga ao método usado para digitalizar ondas sonoras, usando o que em matemática é conhecido como transformada de Fourier. Essa fórmula faz com que seja possível separar uma onda sonora em diversas frequências identificáveis. Essa era a fórmula que explicava como o ouvido capta um conjunto de estímulos sonoros e como o cérebro consegue identificar cada som, seus timbres, o que são e de onde vem.

Só que aí os caras testaram essa tese com  instrumentistas, maestros e músicos profissionais e comprovaram que esses profissionais conseguem perceber estímulos sonoros que vão além da fórmula de Fourier, como pequenas alterações na altura e duração dos sons. E não é que eles percebem pouca coisa de diferença não: os músicos foram 13 vezes melhor que os limites que normalmente são usados nesse tipo de teste.

Agora cabe a eles tentar explicar porque o ouvido de gente que trabalha com música "funciona diferente". O que você acha que pode significar isso tudo?




Enviado via iPad

Comentários

Postagens mais visitadas